O Senhor É o meu Pastor

“O Senhor é o meu pastor; nada me faltará” – Salmos 23:1

Certa vez, em determinado evento, um famoso actor foi convidado de improviso a declamar algo para os convidados. Um velho pastor, ali presente, sugeriu que recitasse o Salmo 23.

Com grande habilidade de oratória, o actor leu o Salmo. De tão eloquente e expressivo, a sua performance despoletou os aplausos da audiência que prolongadamente o aplaudiu de pé.

Em seguida, o actor pediu ao velho pastor que lesse, também ele, o mesmo Salmo.

Com voz rouca e trémula, o bondoso homem articulou os mesmos versos com simplicidade. As palavras não eram tão eloquentes nem o timbre de voz tão sonante. No entanto, cada frase saía do mais íntimo do seu ser, qual testemunho vivo de uma relação pessoal e profunda com Deus.

Quando terminou, não se ouviram aplausos, apenas o silêncio. Por toda a audiência viam-se pessoas a enxugar as lágrimas.

O actor levantou-se e disse: “Senhoras e senhores, eu comuniquei com os vossos ouvidos e os vossos olhos. Eu conheço as palavras do Salmo 23. Porém, este meu amigo aqui comunicou com os vossos corações. Ele conhece o Pastor.”